Barra em cima.png

Atuação histórica em favor do Meio Ambiente

Barra em baixo.png

Na década de 80, a Casa do Palmito foi a primeira empresa do mercado a destacar que a produção e comercialização do palmito precisavam ser urgentemente regulamentados e controlados.

 

Desde esta época, a empresa vem sensibilizando supermercadistas, jornalistas, fabricantes e outros setores da sociedade com relação à necessidade de se adotar procedimentos que garantam a preservação das palmeiras nas florestas.

 

Depois de contribuir com a regulamentação deste tipo de comércio, a Casa do Palmito iniciou outra luta: provar que a própria Mata Atlântica pode bancar sua preservação e recuperação.

A ideia é estimular o investimento de técnicas de manejo sustentável do palmito em propriedades particulares com esta floresta, onde se encontram mais de 80% dos remanescentes.

 

Por este motivo, a empresa mereceu o Selo Ação Verde, que foi conferido por consultores da ONU e entidades ambientais de grande reputação.

Reportagem Estadão.jpg